Google+ Badge

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Nilton Bravo - O Michelangelo dos botequins


Nilton Bravo, nos anos 50 e 60, foi o artista plástico mais presente no dia-a-dia do carioca.Em cada botequim da esquina, tinha a arte de seus painéis coloridos, retratando imagens da cidade.
Nilton foi chamado pelo escritor Carlos Heitor Cony, de o Michelangelo dos botequins.
Seus murais nos bares são como o ovo cor-de-rosa ou a serragem próxima do balcão. Ítens da maior carioquice.
Na família Bravo, o talento veio de longe. Em 1885, Manoel Pinto Bravo, avô de Nilton, já se dedicava à pintura de painéis em restaurantes cariocas. A herança foi repassada para Lino Pinto Bravo, pai de Nilton, que foi o grande responsável pelo início de sua carreira.
Aos 13 anos, Nilton já ajudava o pai na pintura de murais e painéis em residências, igrejas e bares. Aliás, pai e filho, conta-se " trabalhavam ao mesmo tempo em uma curiosa parceria: o pai (que era canhoto) começava a pintura de um lado, o filho (destro) do outro e, geralmente, terminavam a obra juntos."
Depois disso, Nilton passou grande parte de sua vida pintando as paredes de bares do rio de janeiro. É um dos pintores mais vistos do país e suas obras estão espalhadas pelo mundo todo. Um curta-metragem sobre sua trajetória artística, produzido por Luiz Alphonsus, é exibido com freqüência no Museum of Modern Art, o MOMA, de Nova York.
Conhecido como a embaixada carioca em são paulo, o bar Pirajá homenageia o Rio de Janeiro, exibindo com orgulho em uma de suas paredes, um mural assinado pelo mestre Nilton Bravo.Nilton Bravo também participou na elaboração dos painéis no carnaval da escola de samba União da Ilha, de 1991, que desfilou com o excelente enredo De Bar em Bar, Didi, Um Poeta.


Painel de Nilton Bravo, de 1963, que decora o Restaurante Sírio e Libanês, na Rua Senhor dos Passos 217. Foto Bairros.com de O Globo.


Painel de Nilton Bravo no Bar Canto do Minho no Grajaú. Foto Blog A Vida numa Goa.

Alguns de seus painéis, como o da Praça da Harmonia, na Gamboa, foram tombados pela prefeitura, mas infelizmente muita coisa foi perdida do singular trabalho deste artista, por falta de preservação dos proprietários de botequins.
Carioca, Nilton Bravo nasceu em março de 1937 vindo a falecer em setembro de 2005.

 Painel de Nilton Bravo no Bar Brasilia em Cachambi. Foto Blog A Vida numa Goa.


Montagem com diversos paineis de Nilton Bravo - Blog Rio que mora no Mar

Agora vai me dizer que quando entrar num boteco daqueles antigos voce não vai ver se acha um painel do Nilton Bravo?


Fontes:
Blog Rio que mora no mar
Blog  A vida numa Goa
Bairros.com de O  Globo
Cidaderiodejaneiro.olx.com.br

10 comentários:

  1. Rapaz, eu que já fui (sou) um frequentador nato de bares cariocas, não tinha me dado conta deste fato.
    Adorei saber.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  2. Como diz o ditado, as vezes a gente olha e não ve.
    Confesso que vou olhar com mais atenção a esses detalhes dos bares da vida

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde,gostei do seu blog.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, se quiser nos seguir
      tambem temos a pagina do facebook um coração suburbano

      Excluir
  4. Ávido Marques Filho30 de maio de 2014 10:18

    Conheci os dois (pai e filho) pessoalmente,mas nunca tive intimidade com nenhum deles. O velho, no Engenho Novo e o filho no calçadão de Copacabana. Ambos,boas pessoas,mas achava o velho mais modesto .
    Ávido Marques Filho .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentario, visite nossa pagina facebook/umcoracaosuburbano

      Excluir
  5. O Programa "Arte em Exposição", pela Rádio Rio de Janeiro, 1400khz - AM, levará ao ar amanhã dia 8 de março a entrevista com o pintor Nilton Bravo, realizada em 08 de abril de 2004. Será às 16,00horas.

    ResponderExcluir
  6. Existe um restaurante em Pendotiba,Niterói que possuía um painel tão parecido com os de Nilton Bravo que acho possível ser dele mesmo. Infelizmente os novos donos encobriram-no com um painel de madeira. Tristeza! O Glamour perdeu o "glamour".

    ResponderExcluir
  7. por favor, vc tem o contato de Nilton Bravo? sou jornalista e gostaria de entrevistá-lo.

    ResponderExcluir
  8. As pinturas de Nilton Bravo são ricas em detalhes. Muitas parecem fotografias. Suas obras serão muito apreciadas e procuradas no futuro. Aquele que investir em suas obras, descobrirá a importante valorização das mesmas devido a influência do mesmo.

    ResponderExcluir