Google+ Badge

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Domingo - União da Ilha


Amanhecia o dia e os primeiros acordes da União da Ilha tomaram a Avenida: “Vem amor/ Vem à janela ver o sol nascer/ Na sutileza do amanhecer/ Um lindo dia se anuncia”. A reação da platéia foi imediata e a União da Ilha foi apontada como a grande favorita do carnaval de 1977. Mas o júri preferiu dar a vitória à Beija-Flor de Joãosinho Trinta, deixando a União da Ilha na 3a posição.

Trecho retirado do site da União da Ilha

‘Domingo’ é classificado por vários especialistas como o melhor desfile já apresentado pela Ilha. Em uma época em que o desfile já se mostrava contaminado pelo vírus do gigantismo, o que se viu na passarela foi o contrário: em vez dos carros alegóricos gigantescos, pequenos tripés e muita simplicidade; foram utilizados carrinhos de pipoca reais, assim como um barco cedido pelo Ministério da Marinha. As fantasias, de simples concepção e sem luxo, condiziam perfeitamente com o enredo, que se destinava a narrar como é o dia da semana destinado ao descanso.



 A leveza e a simplicidade da União da Ilha, com "Domingo", conquistaram a Avenida, fato que se repetiria ainda em 1978 ("O amanhã") e 1982 ("É hoje"). Estes carnavais colocaram a tricolor num lugar de destaque na história no que se refere a sambas-enredo.


Samba Enredo 1977 - Domingo

G.R.E.S União da Ilha do Governador (RJ)

Vem amor
Vem à janela ver o sol nascer
Na sutileza do amanhecer
Um lindo dia se anuncia
Veja o despertar da natureza
Olha amor quanta beleza
O domingo é de alegria
No Rio colorido pelo Sol
As morenas na praia (bis)
Que gingam no samba
E no meu futebol
Veleiros que passeiam pelo mar
E as pipas vão bailando pelo ar
E no cenário de tão lindo matiz
O carioca segue o domingo feliz
Vai o sol e a lua traz no manto
Novas cores, mais encanto
A noite é maravilhosa
E o povo na boate ou gafieira
Esquece da segunda-feira
Nesta cidade formosa
Há os que vão pra mata
Pra cachoeira ou pro mar (bis)
Mas eu que sou do samba
Vou pro terreiro sambar


O intérprete da Ilha, o inesquecível Aroldo Melodia marcou epoca com o seu grito de guerra "Segura Marimba"
                                                       
Fontes:
Site da Ilha
Extra  

Um comentário: