Google+ Badge

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Cine Vaz Lobo

Inaugurado em 1941, o proprietário do cinema, o português Antônio Mendes Monteiro, construiu a sala com capacidade para 1 800 pessoas, com referências ao art déco, tornando-se um dos pólos de cultura referenciais para aquela região. A pré-estreia do Cine Vaz Lobo contou, inclusive, com a ilustríssima presença da primeira-dama da República Darcy Vargas. A época de ouro durou até meados da década de 80, como todos já sabem, período-chave para a falência dos cinemas de rua em função da violência urbana e da expansão dos shopping centers. Desde então o prédio viveu abandonado, entregue às inesperadas ações do tempo. 
A foto é dos anos 1970.


Hoje ele está fechado e abandonado, ali assisti apenas um filme, "Luciola", isso em 1978, alem de ler o livro tambem, por recomendação do meu professor de portugues do 2o grau.

O projeto da Transcarioca pretendia demolir o Cine Vaz Lobo para dar espaço a uma das pistas da avenida, incluindo a construção de uma praça. Foi aí que surgiu o Movimento Cine Vaz Lobo, um grupo formado por moradores, simpatizantes e pesquisadores que se uniram para combater a destruição de um local que não só deve ser preservado como reestabelecido. E deu certo! Assinaturas foram recolhidas no Mercadão de Madureira no início desse ano e o traçado será revisto a fim de manter o cinema.

Um comentário: